Sábado, 2 de Maio de 2009

Abendhatt - Tokio Hotel desenham para a H&M

 

Fim da história. Eles não vão falar mais sobre aquele tema. Os rapazes dos Tokio Hotel, cidadãos de Hamburgo e idolos de adolescentes por todo o mundo, não querem ser confrontados com as observações sobre as fãs agressivas. O manager David Jost disse: "Achamos que isto das perseguições deverá estar apenas nas mãos da polícia". Mas os músicos bem-sucedidos de Magdeburgo, que ganharam o prémio de Artista Revelação nos MTV Video Music Awards, não se querem esconder. Abendblatt descobriu que o cantor Bill e gritarrista Tom Kaulitz (ambos 19), o baterista Gustav Schäfer (20) e o baixista Georg Listing (22) estão a participar na nova campanha para a H&M "Fashion Agains AIDS".

Eles estão entre os melhores da música. Artistas internacionalmente conhecidos como Katy Perry, Yoko Ono e a dançarina burlesca Dita Von Teese desenharam T-shirts, vestidos e tops, cujo dinheiro angariado irá para projectos contra a SIDA. As vendas começam dia 28 de Maio. "Os designers chamam de volta os anos 80, com brancos, brilhantes e desenhos inspirados em graffitis. As roupas de raparigas vão desde mini-saias a calças desbotadas", diz a criadora de H&M Ann-Sofie Johannson. "Os rapazes ficam melhores com Chinos ou calças de ganda coloridas". Flashbak: Foi na noite de dia 16 de Abril que houve o confronto entre o guitarrista dos Tokio Hotel, Tom Kaulitz, e a fã obstrusiva. Uma mulher de 21 anos foi esbofeteada na cara. Ela contou à polícia que reconheceu Tom Kaulitz e que apenas queria tirar uma fotografia com ele. O guitarrista atira um cigarro na sua direcção, que a levou a pressionar esse mesmo cigarro contra a janela do seu carro. De acordo com a vitima, o encontro resultou numa rixa.

Mas o que se seguiu a isso foi uma espécie de "chorar" pela banda. Há meses, estas fãs agressivas seguem os famosos músicos, que destornaram os charts com "Durch den Monsun", disse o seu manager à agência de imprensa alemã. "Estas raparigas não são fãs, são perseguidoras militantes. Isto já não é amor de fã", diz David Jost. Supostamente um grupo de francesas chamadas "Les Afhganes on Tour" já são conhecidas pelos seus ataques à banda. "Elas seguem os rapazes e as suas famílias desde à meses, é por isso que eles mudam constantemente de residência".

Stalking (Do Inglês: To stalk, perseguir) denota uma perseguição persistente com uma mistura de inveja e fanatismo, e isto é uma ofensa criminal. Na Alemanha isto pode levar a três anos de prisão. Muitas vezes as xcelebridades pagam muito pela sua fama. E isto não deveria ir tão longe com os Tokio Hotel.

Fonte


 

Tradução: aniinhas - THF Portugal

publicado por TH Online às 20:58
link do post | comentar | favorito
free counters
Image and video hosting by TinyPic
 
Image and video hosting by TinyPic
Image and video hosting by TinyPic
Image and video hosting by TinyPic

Maio 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
23

24
25
26
27
28
29
30

31



Arquivo

Maio 2009

Abril 2009